Só mais um centímetro sff.

22 Jul
Há sempre alguma parte do nosso corpo que gostaríamos que fosse diferente.
Somos demasiado baixos ou demasiado altos. Gordas ou magras. Cabelo a mais ou a menos. Ombros largos ou estreitos… e por aí a fora num festival de imperfeições. Queremos sempre só mais um centímetro para chegar à altura ideal…

Mas esta preocupação com os nossos defeitos traz consigo alguns inconvenientes:
1. Desperdiçamos muita energia.
Tentamos teimosamente disfarçar os nossos pequenos defeitos, para ninguém reparar neles. Porque se repararem…- ahh terror – talvez deixem de gostar de nós!  ( Sim, é comum as pessoas que gostam de nós dizerem: Gosto mesmo de ti… mas sabes… esse teu sinal na cara…hmmm não vai dar!). Gastamos energia que podíamos usar para outras coisas fabulosas.

2. Ficamos egocêntricos.
Cada um está convencido que o seu pequeno defeito é o supremo erro, mais irritante e embaraçoso que qualquer outro. Ignoramos que aquela modelo que parece perfeita, está igualmente obcecada com a forma do seu polegar. Pensamos no que não nos foi dado, no que podemos fazer para ser diferente, no aspecto que não temos. Pensamos em nós, nós, nós. E esquecemos os outros.

3. Confundimos a aparência com o interior.
Não perdemos uma grama do nosso precioso valor por termos a aparência que temos. Mas perdemos tempo, coração, energia a tentar aparentar ser o que não somos. O nosso aspecto não dita quem somos.  Ao preocuparmos-nos excessivamente com a nossa aparência achamos que o exterior vai mudar o nosso interior. Mas funciona ao contrário.

só mais um cm sff
Na realidade, o desafio é cá dentro e não lá fora.
Se quisermos mudar o nosso corpo, podemos sempre recorrer a plásticas. Mas isso não muda a forma como nos sentimos em relação a nós. ( e a nossa carteira, essa não nos perdoa tão cedo). É mais fácil aceitar cá dentro qual a nossa aparência, do que tentar mudar a imagem que está no espelho. É 100 vezes preferível rirmos-nos na cara dos nossos defeitos do que chorarmos por não sermos perfeitos. Sim, rirmos-nos à brava com aquele jeito invulgar que temos de andar, aquela marca de nascença, aquele remoinho no cabelo…

Isto não quer dizer que não procuremos ser saudáveis, estar em forma, vestirmos-nos com pinta e gostar de receber uns elogios fofos. Devemos tirar o rabo da cadeira, comer comida saudável, ter um estilo de vida menos robótico e tudo o mais. Mas chega a um ponto em que temos que viver tranquilamente com a nossa aparência. Nenhum ginásio nos vai dar o que procuramos.

A verdade é que já somos maravilhosos como somos. Conseguimos perceber isto quando temos alguém que realmente gosta de nós, com todos os pequenos “defeitos” que trazemos!

Assim, da próxima vez que nos vier o pensamento à cabeça: Só mais um centímetro sff… podemos responder:
Não, Obrigado.

Uma resposta to “Só mais um centímetro sff.”

  1. Anónimo 25 de Julho de 2013 às 11:56 #

    * UM grama

Comenta aqui

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s