A pancada e o Springsteen

28 Mar


Todos temos pancadas. Talvez não andemos à pancada, mas pancadas temos. Não no estilo Jack Nicholson no Melhor é Impossível, mas do estilo daquele tipo de teimosia que não conseguimos bem explicar. Uma certa fixação a roçar o incompreensível por uma determinada coisa.

(Quanto a andar à pancada, eu pessoalmente não gosto de ter alguém a esmurrar o meu corpo. A última vez que isso aconteceu tinha 9 anos, e apesar de tentar mandar uns pontapés maldosos num colega de

aula, ele deu-me cada solha que saí derrotadíssimo e choramingão.)

Eu acho graça à pancada, especialmente se nos conseguirmos rir dela. É que não há grande explicação para certas pancadas: tenho que ir ao Quénia, só saio do filme depois de ver todos os créditos, nunca abro o microondas a meio, trancar 2 vezes a porta a o chegar a casa (nota: eu não possuo estas pancas, são apenas exemplos tirados da internet).

De qualquer forma, acho que das nossas pancadas podem nascer coisas giras. A sério, coisas giras como novos projectos, exposições, viagens. É que a pancada traz uma espécie de intuição consigo.

Por exemplo há uns anos atrás, não podia ouvir Bruce Springsteen. Agora é-me difícil não ouvi-lo. É que é grande demais! Mas mais relevante para este post é que fiquei com uma pancada acerca do seu álbum :

Born in the USA. Que já agora, foi o primeiro CD feito nos EUA ( sempre que posso digo isto e faço sucesso em festas: “onde é o wc?” perguntam-me, e respondo:”não sei, mas sabias que o Born in the USA foi o primeiro CD feito nos EUA?” )

Podia tentar explicar esta pancada, mas nem consigo. Talvez a garra, as calças de ganga, a luta, é demais! Mas e se fosse possível juntar muita malta a esta pancada? Foi o que fiz, e no meu dia de anos, reproduzi a capa deste álbum absolutamente icónico com vários amigos.

O resultado é a imagem que aqui fica. Naturalmente vários olhavam para mim com aquele olhar  “A pancada do gajo…”.

Mas no fundo gosto das pancas por 2 razões: uma é mostrar quão risíveis somos; outra é dessa teimosia poderem nascer coisas giras.

Ou será pancada esta conversa?

9 Respostas to “A pancada e o Springsteen”

  1. Manuel MC 16 de Abril de 2012 às 22:43 #

    Também conheço essa “amiga” que tem uma pancada por baleias azuis!

    Muitos Parabéns, está mto bom.

    Grande abraço

  2. Cristina BV 3 de Abril de 2012 às 9:39 #

    Muitos Parabéns pelo blog João! Estou a gostar mesmo muito de acompanhar e gostei muito deste último tema, hehe, pq é q será?
    Grande iniciativa!

  3. Inesperado.org 31 de Março de 2012 às 16:40 #

    Obrigado! Realmente todos nós temos pancas. Ainda no outro dia uma amiga me contava que tem uma panca por baleias azuis. Nunca viu nenhuma mas tem que ver. E tenho a certeza que não vai desistir enquanto não conseguir!

    Um abraço e já está no forno outro artigo :)

  4. Sofia Ferreira de Lima 29 de Março de 2012 às 20:34 #

    De facto uma ou outra pancada animam a realidade “normal”. E fazem rir, o que é sempre bom. Alegro-me por exemplo, quando as 8h da manha no autocarro para lisboa encontro uma miuda de 18 anos que vai a fazer playback e caretas à britney spears, com o seu baton gloss a realçar-lhe a mimica. Põe-me bem disposta e é libertador!
    Não pude deixar de averiguar essas calças de ganga e a garra…de facto, o tipo tem uma pinta e uma ginga de anca ao som de dancing dark e glory days, em que identifico o porquê da panca. Alguma inveja daqueles tempos…
    like!

  5. MacRiana 28 de Março de 2012 às 22:37 #

    Eu não estou na fotografia… Mas ficou impec! Lol!
    Estou curiosa para ver onde este blog vai parar. Continua!
    Bjs

  6. Filipa Félix Machado 28 de Março de 2012 às 15:12 #

    Lindooo
    Pancadas assim, valem a pena!

  7. Virgínia Cardoso 28 de Março de 2012 às 13:28 #

    pancada ou não esta conversa fez-me lembrar as minhas pancas heheheheheh

  8. pyny 28 de Março de 2012 às 11:17 #

    Muito bom!! Conheço uns quantos traseiros!

Comenta aqui

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s